OS PÉS NA DIABETES

PORQUÊ CUIDADOS ESPECIAIS?

A diabetes é uma doença crónica caraterizada pelo aumento dos níveis de açúcar no sangue. A longo prazo, este aumento de açúcar no sangue poderá provocar complicações, nomeadamente, a nível do pé.

Mas de que complicações falamos ?!

  • Neuropatia: lesões ao nível dos nervos que provocam diminuição da sensibilidade, aparecimento de queixas dolorosas ou desconforto nos pés, assim como pele seca, entre outras. 
     

  • Doença vascular periférica: problemas ao nível das artérias das pernas e dos pés que provocam má circulação de sangue nestas zonas.
     

  • Deformações: por exemplo dedos em garra, zonas com grandes calosidades, pés com uma arcada demasiado alta ou demasiado baixa.
     

  • Suscetibilidade a infeçõe

 

Desta forma o risco de desenvolver uma lesão, muitas vezes sem se aperceber, é muito elevado.

Assim, na pessoa com diabetes, o pé merece uma atenção especial!...
 

… e dada a sua fragilidade, o segredo para um pé são está na PREVENÇÃO!...

CUIDADOS DIÁRIOS

Lave os pés diariamente em água corrente, testando previamente a temperatura da água com um termómetro ou mesmo com o cotovelo. Assim, evitará queimaduras (este é um aspeto fundamental, uma vez que, devido à neuropatia e, consequentemente, à falta de sensibilidade, a água que parece ser tépida poderá queimar).  
 

Para  lavar utilize um sabonete ou gel de ph neutro, evitando produtos agressivos, como por exemplo o tradicional  “sabão azul e branco”.
 

Seque bem os pés com uma toalha de algodão, de cor clara e sem padrões. Sendo clara, na presença de uma ferida, ficará manchada alertando-o para a existência de uma lesão.
 

Durante a secagem dê especial atenção aos espaços entre os dedos, estes devem ficar muito bem secos. Se a toalha é grossa utilize materiais alternativos e absorventes como papel higiénico, papel de cozinha ou gaze.
 

Com uma gaze ou algodão aplique vinagre de maçã ou cidra nas unhas e pele, (desde que esta não tenha feridas). O vinagre não se dilui, aplicando-se puro. Como é ácido limita o desenvolvimento de fungos que possam estar presentes. 
Deixe secar o vinagre ou retire o excesso secando novamente.
 

Aplique creme hidratante da raiz dos dedos até ao joelho. Nos espaços entre os dedos e unhas não deverá

aplicar creme, uma vez que este deixa um ambiente húmido, propício ao desenvolvimento de infeções fúngicas.
 

Durante este cuidado diário observe cuidadosamente os pés certificando-se que não existem alterações. Se tem dificuldade em dobrar-se utilize um espelho para ver a planta do pé em pormenor, ou peça ajuda a alguém que o possa fazer por si. 
 

CUIDADOS REGULARES

Semanalmente
  • lime as unhas com uma lima de cartão. 

  • lime à frente, na horizontal, e por cima, no caso da unha se encontrar grossa. Este gesto tão simples permitir-lhe-à evitar as lesões provocadas pelas tesouras ou corta unhas, pois, limando semanalmente, mantém o comprimento das unhas não havendo necessidade de as cortar.

  • antes do banho, mas com a pele humedecida, passe uma lixa de pés nas zonas mais calosas.

Como escolher calçado
  • no final do dia, pois o pé encontra-se ligeiramente inchado nessa altura.
    o sapato deverá ter uma biqueira arredondada e uma caixa interior com altura suficiente para que os dedos não fiquem apertados.
    verifique se não existem costuras internas que o possam magoar.
    prefira sapatos em pele por dentro e por fora, com atacadores ou velcro e com uma sola semirigida.

... e as meias
  • deverão ser de algodão, sem costuras e de cor clara. No caso das costuras serem grossas vire-as ao contrário, para que não marquem os dedos.

MAIS CONSELHOS ÚTEIS

  • não ande descalço

  • aqueça os pés apenas com roupa e nunca com fontes de calor como aquecedores ou sacos de água quente

  • nunca utilize produtos agressivos como calicidas, estes poderão provocar-lhe feridas

  • observe os pés todos os dias, ainda que, aparentemente, tudo esteja bem

Nota: A informação contida nesta página é complementar das recomendações fornecidas pelos profissionais de saúde e em nenhuma situação as substitui.

2021_pes-1.jpg
Clique nas capas para saber mais sobre a Diabetes
2021_diabetes-1.jpg
2021_diabetesT1-1.jpg
2021_diabetesT2-1.jpg
2021_adocantes-1.jpg
2021_gravidez-1.jpg
2021_hba1c-1.jpg
2021_hipoglicemia-1.jpg
2021_hidratos-1.jpg
2021_autocontrolo-1.jpg
2021_olhos-1.jpg
2021_cetonemia-1.jpg
2021_disfuncao-1.jpg
2021_pes-1.jpg